Buscar
  • rogeriobaliego

Janeiro-2019. Panorama de Mercado.

Atualizado: 18 de Fev de 2019

Janeiro 2019 por Research XP


2018, um ano para recordar


Ano de grandes acontecimentos

Na nossa visão, os acontecimentos que marcaram 2018 farão deste ano, um ano para recordar. Os juros atingiram menor nível da história brasileira em março (6,5%), a inflação a menor leitura desde 2006. A sociedade, se manifestando nas redes sociais, elegeu o primeiro candidato de fora do eixo tradicional PT-PSDB desde Collor. No internacional, a geopolítica dominou, com destaque para o começo do que pode ser uma nova guerra fria, dessa vez entre os EUA e a China, e um histórico acordo de desnuclearização da Coréia do Norte. A percepção de risco global aumentou, com juros mais altos e crescimento mais baixo. Esperamos volatilidade, mas aguardamos 2019 com otimismo e antevemos um ano de oportunidades no Brasil.


Brasil aponta para a direção correta, e se destaca dentro de mercados emergentes

O novo governo assumirá o Brasil em cenário invejável quando comparado à maioria dos governos do período pós-ditadura. O crescimento está acelerando, a inflação ancorada e juros nas mínimas históricas. Esse momento tem de ser aproveitado. A situação é delicada, e se a agenda reformista não for endereçada, o ambiente deteriorará rapidamente. Os desafios são grandes e sabidos, mas o presidente eleito tem priorizado a agenda reformista, e o nosso time político vê espaço para unir uma frente de apoio no congresso. Se bem executada e entregue, a agenda reformista e liberal poderá ser transformacional para o país. Vemos o Brasil como nome de destaque em emergentes, com múltiplo atrativo (10,4x P/L) e narrativa que continua a apontar na direção correta.


O cenário internacional continuará desafiador, mas pode estabilizar

No internacional, o crescimento tem desapontado, o que em conjunto com um cenário de alta de juros e muitas tensões comerciais trouxe volatilidade em 2018. Vemos uma potencial estabilização em 2019, por conta de:


(1) Pausa no processo de alta de juros nos EUA – o Banco Central Americano (Fed) desapontou com tom menos moderado essa semana, e anteviu mais duas altas para 2019 (para 3%). O mercado teme um aperto monetário maior do necessário, o que poderia antecipar uma recessão, e desafia o Fed ao colocar 50% de probabilidade de ter somente mais uma alta. O nosso estrategista Global, Alberto Bernal, espera uma moderação do crescimento nos EUA para próximo de 2%, com menor inflação. Se o cenário se materializar, o apetite a risco deve aumentar.


(2) Alivio nas tensões comerciais EUA e China – Bernal vê o começo de uma nova guerra fria. Dito isso, ressalta que um enfrentamento comercial não é benéfico para ninguém, e espera um acordo. O embate colocaria em risco a eventual reeleição do Trump em 2020, com a economia arrefecendo. Do lado Chinês, traria consequências graves para o crescimento. Com menores riscos de uma guerra comercial, a percepção de risco deveria diminuir e emergentes poderiam voltar ao foco, dada a desaceleração do crescimento nas economias desenvolvidas e potencial suavização do processo de alta de juros das mesmas.


Ibovespa: o caminho para 125k pontos continua delineado para 2019 Na nossa visão, uma estabilização do ambiente internacional, casado com a evolução das reformas no Brasil, poderia levar o Ibovespa poderia a atingir até 125 mil pontos em 2019.


Mais detalhes no nosso último relatório. Clique aqui.

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
Precisa de mais informações?

Estamos aqui para ajudá-lo.  Solicite o contato de um de nossos assessores.

© 2019 Green Investimentos - Agente Autônomo de Investimentos. Todos os direitos reservados.

A marca Green Investimentos é propriedade da Green Investimentos Agente Autônomos Ltda. Toda distribuição de valores mobiliários através da Green Investimentos são executadas pela XP Investimentos S/A, instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através da rede mundial de computadores está sujeita a interrupções, podendo invalidar ordens ou negociações. A Green Investimentos atua apenas como distribuidor de ativos mobiliários e não participa da gestão e ou administração de nenhum dos produtos aqui divulgados de fundos, renda fixa e renda variável.

  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black LinkedIn Icon

© 2023 por Agencia Plusyou